Padecendo no paraíso

Ser mãe realmente é padecer no paraíso. São alegrias sem fim, mas estresses sem fim também.

Uma das coisas que aprendi como mãe é que não posso planejar as coisas, tudo vai depender da Mari. Hoje eu tinha planejado fazer várias coisas e não consegui fazer nada do planejado.

Ontem à noite minha querida pipoquinha resolver aprender a voar e foi parar aonde? Um doce pra quem adivinhar!

No chão, é claro!  Essa foi fácil, né? Passa aqui em casa que seu doce tá te esperando.

A minha cama é super alta, eis que a menina foi de cara no chão. Berreiro na certa. Socorro!!! (Não esqueçam que eu sou exagerada, tá? Nesse momento você deve estar pensando que ela está com a cara arrebentada. Graças a Deus não está.)

Depois que eu e o pai dela a apertamos inteira para ver se não tinha quebrado nada, ficamos aliviados por estar tudo bem. A deixamos de observação (tipo se revirar os olhos, começar a falar lé com cré ou dançar na boquinha da garrafa – ela não era dessa época Monalisa -, corre pro hospital mais próximo. Nada disso aconteceu e ela ficou normal e ativa como sempre.

Quatro horas da manhã acordo com gritos vindos do quarto dela, saio correndo, tropeçando nos dez milhões de brinquedos espalhados pela casa e encontro a menina toda vomitada. Dei banho e troquei a roupa dela. Ficamos na sala assistindo Discovery Kids enquanto eu a observava. Pausa – Quando se é mãe há algum tempo a gente não sai mais correndo para o médico por qualquer coisa – Despausa.

Ela estava bem, mas não quis comer. Dormiu, a mãe que aqui escreve também, isso já eram seis da manhã. Conseguimos dormir até as nove. Depois, a menina passou o dia enjoada, chorando a toa, sem querer comer. Depois de eu forçá-la a comer um pouquinho, ela dormiu. Acordou com uma febrinha, nada alta.

Hora de ir para o médico. Eis que ela me pede guaravita. Vamos para a padaria compramos guaravita. Voltamos para casa e a menina já devorou um monte de coisa, tô até com medo de ter uma indigestão.

Está super bem pulando como a pipoquinha que sempre foi e nem sinal de nada que sentiu até agora. Pergunto para ela: “Como você está?” Resposta: “Tô bem melhor mamãe!”

Ser mãe é padecer no paraíso!

Anúncios

13 Comentários

Arquivado em Padecendo no paraíso

13 Respostas para “Padecendo no paraíso

  1. Manu

    A MAri resolveu aprender a voar é?! kkkkkkk ri alto aqui…rsrsrs…..

    quero meu doce flor, em Março vou ai pra busca-lo…rsrsrs….

    Oun, não sou mãe, (e nem serei tão cedo…rsrs) mas sou irmã, e me lembro bem de quando ficava horas cuidando dos meus irmãos de madrugada….

    bom, pelo menos ela não ira querer mais Pular na sua cama né?! kkkkk….

    bjokas

    • simplesmentemonalisa

      Ai Manu quem dera que ela não quisesse pular mais, já tá pulando novamente, hahahahaha
      Em março me lembre de comprar novos doces, porque não vou guardar até lá! 😦
      Bjokas

  2. minha mae vive dizendo q depois que se tem filho vc meio que para de viver pra si.

    que bom que ela ja está melhor!

    o que é guaravita?

    bj

    • simplesmentemonalisa

      Sua mãe está certa Vanessa, os filhos acabam ficando em primeiro lugar. Eu sempre me policio nessa questão, pois não criamos filhos para a gente, então temos que ter nossa individualidade também.
      Beijos

      • simplesmentemonalisa

        Ah, esqueci de te falar guaravita é um suco natural de guaraná, é docinho e delicioso! No calor aqui tomamos sempre, ele geladinho refresca que é uma beleza! 🙂

  3. juliana

    virei a fã número dessa Mari só de saber que ela gosta de guaravita! sou viciada nesse negócio!!

    gente, eu acho que eu choraria mais que ela com essa situação toda. Ser mãe tb é ter nervos de aço,né?

    • simplesmentemonalisa

      Guaravita é muito bom mesmo, eu e Mari amamos.
      Nervos de aço??? Onde eu compro, porque eu me acabo em lágrimas, estrutura emocional zero!!! 😦
      Beijos

  4. Guaravita? Nunca ouvi falar, rsrsr.

    Eu realmente cheguei a pensar que ela tava toda arrebentada, do jeito que você falou!

    Bjim

    • simplesmentemonalisa

      Guaravita é um suco de guaraná que vem num copinho, quando você vier aqui eu compro pra vc tomar! 🙂
      Eu avisei que sou exagerada, não avisei?
      Bjim

  5. Meeo Deus, qdo cê começou a falar, já imaginei mesmo de vdd, a Dn. pipoquinha, td espedaçada! (diisculpa, mas…) tá, vc avidou qe é exagerada (e eu qse nao sou assim tb, sabe)

    O que é guaravita?? hehe

    Ah, meu Deus, isso me lembrou mais uma vez das inumeras tentativas das my sobrinhas de pegar voo de td em qqer lugar. Da mesa, da cama, do sofá, das cadeiras… céééus… hahahaha

    Que booom que ela já ta bem. Pq é mto ruim qdo essas “Marias pipoquinhas” nao estao bem.

    Manda um big bjo pra ela…

    abçs

    • simplesmentemonalisa

      hahahahah, eu avisei mesmo do meu exagero. Isso porque não te contei da vez que ela arrebentou a boca e teve que levar pontos, foi “froid”, hahahahaha
      Guaravita é um suco de guaraná que vem num copinho, joga no google que vc vê foto, hehehehehe
      Criança é boa é criança arteira, quando elas estão doentes a gente fica despedaçado.
      Beijooooooos

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s