The good wife

The Good Wife conta a história de Alicia Florrick (Julianna Margulies), esposa de um importante político, Peter Florrick (Chris Noth), que se vê obrigada a tomar as rédeas de sua própria vida quando um escândalo sexual e político acaba levando seu marido à prisão.

Deixando de lado o orgulho, ela retorna ao seu antigo trabalho como advogada de defesa, em sociedade com Will Gardner (Josh Charles), um amigo dos tempos da faculdade. Mas essa nova fase de sua vida não será nada fácil: ela sofrerá com as intrigas e concorrência desleal de Cary Agos (Matt Czuchry) e Diane Lockhart (Christine Baranski). Além disso, terá que enfrentar o preconceito de ser a esposa do ex-procurador corrupto. Obstáculos difíceis que Alicia deverá enfrentar para cuidar dos seus dois filhos e, principalmente, do seu destino.

Eu sou apaixonada por séries, e no momento a série que não perco por nada é “The good wife”. É uma série que trata de diversos assuntos, sendo o roteiro principal uma mulher que foi exposta depois de escandâlos envolvendo seu marido. Alícia, tem que recomeçar, retomar a sua carreira e redéas da sua vida, cuidando dos seus filhos e ainda ajudando o seu marido.

Quando tento me colocar no lugar de Alícia, e primeira coisa que penso é que se meu marido fizesse o que Peter fez com ela, me divorciaria no ato. Mas, depois que você começa a acompanhar a história, você pensa nos filhos e em tudo o que está envolvido, e nas suas convicções de que um casamento é para toda vida, não seria tão fácil como parece, sem esquecer o amor, porque apesar de tudo Alícia ama Peter.

Alícia continua casada com Peter, mas ainda não o perdoou, e nem sabemos se ela perdoará. Quando ele tenta pegar em sua mão, ela reage com repulsa, e qual mulher não reagiria assim, ao descobrir que seu marido teve caso com outras mulheres em plena rede nacional, com imagens intímas da sua traição? E você que dedicou a sua vida a esse homem, o que você representa para ele? Tantas perguntas sem respostas plausíveis devem pipocar na mente, numa hora como essa.

A série ainda consegue ir em outros pontos, por meio dos casos que Alícia tem que defender como advogada. Os diálogos são fascinantes. E todo aquele ambiente, como juízes, advogados, promotores e júri, deixam a série ainda mais fabulosa.

Continuo acompanhando a série, curiosa pelo que está por vir. E para saber se Peter é mesmo culpado, ou se foi usado por outras pessoas.

O destaque também vai para Julianna Margulies, que está dando um show de interpretação na pele da Alícia.

Ah, The good wife é trasmitido pelo Universal Chanel (canal 43 da sky), toda segunda às 22 horas.

Anúncios

2 Comentários

Arquivado em Amenidades

2 Respostas para “The good wife

  1. parece muito bom,dá vontade de assistir.
    Passei aqui especialmente paralhe desejar ricas bençãos e dizer oi.Fica com Jesus!

  2. Hmm… Não sou muito de assistir séries, lá em casa nem tem tv a cabo. Mas achei interessante essa sua resenha, porque é tão difícil ver programas que valorizem a família e a fidelidade.

    Bjs

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s