É melhor ser feliz!

mHá muito tempo atrás eu recebi a seguinte história por e-mail:

Oito da noite, numa avenida movimentada. O casal está atrasado para jantar na casa de alguns amigos. O endereço é novo, assim como o caminho que ela conferiu no mapa antes de sair. Ele dirige o carro. Ela o orienta, pede para que vire na próxima rua à esquerda. Ele tem certeza de que é à direita. Discutem. Percebendo que, além de atrasados, poderão ficar mal-humorados, ela deixa que ele decida. Ele vira à direita e percebe que estava errado. Ainda com dificuldade, ele admite que insistiu no caminho errado, enquanto faz o retorno. Ela sorri e diz que não há problema algum em chegar alguns minutos mais tarde. Mas ele ainda quer saber: “Se você tinha tanta certeza de que eu estava tomando o caminho errado, deveria insistir um pouco mais”. E ela diz: “Entre ter razão e ser feliz, prefiro ser feliz. Estávamos à beira de uma briga, se eu insistisse mais, teríamos estragado a noite.

E desde então eu tento aplicar isso nas mais diversas situações. O que é melhor ser feliz ou ter razão? Sempre me pergunto isso. Vale a pena discutir tanto, me entristecer ou entristecer alguém para impor o que eu acho certo?
Isso não significa que eu não diga as minha opiniões, é claro que o faço, e aliás com muita frequência. O que eu não faço é discutir com alguém para provar que estou correta. É gastar energia a toa. E muitas vezes, agindo dessa forma evitei tantas discussões desnecessárias com meu marido. E quando ele volta atrás e diz: “Você estava correta, me desculpe!” Eu sempre digo: “Tudo bem, o melhor é ser feliz!”
Outra coisa que aprendi é a sempre pedir desculpas, mesmo que eu não esteja errada. Eu digo: “Amor, me desculpe não queria discutir por causa disso.” E sabe o que ouço de volta: “Me desculpe você, eu estou errado.” Ganho um abraço e dou um beijo.
Eu comentei isso com uma amiga que estava brigada com o marido, e ela me disse que não consegue ser assim, se ela está correta vai até o fim da discussão. Eu acredito que um primeiro passo tem que ser dado. Homem, às vezes (ou na maioria) é tão cabeça dura. Então, volto a pergunta: “É melhor ser feliz, ou ter razão?”
Eu tenho escolhido ser feliz. E vejo o meu casamento a cada dia mais abençoado, sem levarmos mágoas a diante, pelo simples fato de pedirmos perdão sempre. Se sou eu ou ele quem pede primeiro, não me interessa, o que interessa é que a discussão acaba ali, e de cabeça fresca e coração cheio de amor podemos decidir o que fazer.
E isso tem acontecido em todos os meus relacionamentos, seja com família ou com amigos. O que adianta eu travar uma discussão feroz com a minha sogra, para provar que ela está errada em suas opiniões? Eu digo o que acho da situação, e respeito a opinião dela. E com essa atitude ganho o respeito dela.
Temos dois ouvidos e somente uma boca. Fale menos e ouça mais!

Anúncios

6 Comentários

Arquivado em Trocando experiências

6 Respostas para “É melhor ser feliz!

  1. Paula Massoca

    Amiga, nunca tinha pensado desta forma, e eu concordo, mil vezes ser feliz!!!

    Beijos

  2. Oi, aqui estou eu prestigiando seu blog. É isso mesmo, embora eu não tenha também facilidade de fazer isso.

  3. Querida,
    Envie para o meu email: elainegaspareto@hotmail.com
    Ficarei feliz demais da conta em postar.
    Beijos.

  4. Tendo tentado fazer isso depois daquelas brigas horrorosas que rolaram lá em casa. Acho que tá funcionando, mas é muuuuuuito difícil abrir mão de certas brigas pra quem se acostumou a ir até o fim de tudo.

    Bjo

  5. Olá Monaliza…!!!
    Paz seja contigo….!!!
    Bela reflexão ..as vezes é preciso sempre fazer a renuncia em favor da razão ….bem aventuradosos humildes de espirito, pois herdarão o reino dos céus… Jesus é maravilhoso..!!
    irmã muito obrigadopor visitar o amigo de cristo e por seguir sua visita foi uma alegria… volte sempre…!!!!

  6. diegoqueirozz

    Estudei esse texto na época de escola e é bem verdade q é necessário aplicar essa realidade… no fim não vai importar quem tem razão mas aslições que tiramos das lutas, dificuldades e do cotidiano dia-a-dia…

    Fique na paz e a partir de agora se faz uma aliança entre nós em nome de Jesus… visita eu e eu visito tu rsrsrsrsrsrrs

    http://diegoqueirozz.wordpress.com/2009/09/16/quando-vazios-ele-nos-enche/

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s